Blog de Viagens – Rumbo.pt

UM BLOG RUMBO
Home > O que ver > 10 coisas para fazer GRÁTIS em Londres

O que ver

10 coisas para fazer GRÁTIS em Londres

10 coisas para fazer GRÁTIS em Londres
Abril 06
08:00 2016
4
SHARES

A capital britânica constitui sempre um bom plano de fim-de-semana. Primeiro porque é fácil encontrar voos baratos para Londres: há várias low cost a operar rotas regulares a partir de Portugal. Depois, porque encontraremos sempre actividades novas e atractivas para realizar –há sempre novidades! Mais uma (boa) razão? A quantidade de coisas que podemos fazer – totalmente GRATUITAS – para que sejam umas férias 100% económicas. Neste post vamos dar-vos a conhecer pelo menos 10 de livre acesso e sem terem de ir ao bolso… Começamos já a procurar voos baratos para Londres?

Render da Guarda no Palácio de Buckingham, um momento typically british que não devem perder. Basicamente assiste-se à mudança de turno da guarda real com todo o cerimonial a que os turistas têm direito. De Abril a Julho é “exibido” diariamente e no resto do ano, em dias alternados. O ritual começa por volta das 11 horas sendo que a rendição oficial tem hora marcada às 11h30 no pátio do palácio.

buckingham palace

Goldsmiths Hall. É nas imediações das estações de Farringdon e Chancery Lane que está situado este magnífico edifício histórico. É um complexo desconhecido pelos turistas que vale a pena conhecer. Sumptuosidade inglesa e exposições temporárias excepcionais de joalharia e de ourivesaria, de pedras preciosas e numismática.

City Farms. Aqueles que viajam com crianças devem incluir no seu roteiro turístico alguma das seguintes quintas “citadinas” que se distribuem pela área metropolitana de Londres. Animais de criação e de estimação na Deen City Farm and Riding School, em pleno coração da cidade (39 Windsor Avenue), com escola de equitação; com animais menos comuns – pelo menos por estas paragens – como as lamas, em Stansfeld Road, Beckton, a Newham City Farm; Vauxhall City Farm, em Tyers Street; e Wellgate Community Farm, na periferia, em Collier Row Road, em Romford.

British Museum. A entrada é gratuita durante todo o ano. É uma das mais importantes galerias de arte do mundo. Imperdível: a Sala de Leitura, o pátio projectado por Norman Foster e as múmias em exposição na Colecção do Antigo Egipto.

museo britanico

Bendfont Lakes Country Park. A City conta com numerosos parques e zonas verdes: St James’s Park e Hyde Park são sobejamente conhecidos. Recomendamo-vos descobrir um outro que normalmente escapa ao radar dos turistas. Está classificado como reserva natural pelas espécies animais e pela flora do ecossistema, com mais de 300 espécies diferentes de plantas e até 140 espécies de aves que fazem do meio o seu habitat. Lagos, amplas áreas verdes e boas instalações. Podem chegar até lá de carro, autocarro e metro (estação de Feltham e, em seguida, a linha de autocarro H26).

Roteiro turístico para conhecer o melhor de Londres. Aconselhamos vivamente a recorrer a comunidades de guias turísticos como o Sandemans New Europe, que oferece visitas guiadas de cerca de duas horas, a pé, pelo centro das grandes capitais, como é o caso de Londres. Não há que pagar nada, obrigatoriamente. Basta deixar uma gorjeta ao vosso cicerone na medida da vossa satisfação com o seu serviço. Eu experimentei em Berlim e repetiria, sem dúvida.

londres

Museu de Ciências Naturais. Impressiona tanto miúdos como graúdos. Podem ficar a conhecer melhor a vida dos dinossauros, contemplar à escala real uma baleia azul e perderem-se pelos laboratórios e exposições, do mais interessante que pode haver. Entrada gratuita.

As melhores vistas de Londres em Primrose Hill. É uma das zonas residenciais mais exclusivas da capital britânica que está na vizinhança do Regent’s Park. Ideal para ir um dia de piquenique e ficar para assistir ao entardecer sobre a City, à distância. Espaço público completamente aberto… e grátis.

Cerimónia das Chaves da Torre de Londres. Ver de noite, em silêncio absoluto, um dos monumentos mais emblemáticos da cidade. Todos os dias, há pelo menos 700 anos, decorre uma espécie de cerimónia na qual se encerra o edifício aos turistas e à qual se pode assistir de graça. Só têm que reservar os bilhetes no site, clicando aqui.

torre de londres

Shakespeare’s Globe Theatre. É uma fiel reprodução do teatro construído em 1599 no qual Shakespeare encenou as suas obras mais importantes. Aqui podem ver-se peças de teatro de Maio a Outubro, tal como fazia o seu antecessor nos tempos do genial escritor. A entrada para observar os cenários, e conhecer um pouco melhor a história da companhia, é gratuita.


© Artigo traduzido por Miguel Albuquerque.

4
SHARES
Etiquetas

Sobre o Autor

María Sanchez

María Sanchez

Viajera, que no turista; periodista y bloguera, que no redactora. Porque no es lo mismo ser que estar, SOY comunicadora por vocación. Licenciada en Periodismo, con amplia experiencia en medios de comunicación y redes sociales, mi gran pasión es descubrir Mundo. La mejor forma de recordar un viaje, contándolo. Puedes encontrarme en la blogosfera y en las redes sociales. Bon voyage!

2 Comentários

Escrever Comentário

Siga-nos no

Infografias - Infografias inspiradoras by Rumbo.
Dicas para Viajantes - Viaje informado com a Rumbo.

Siga-nos no Facebook