Blog de Viagens – Rumbo.pt

UM BLOG RUMBO
 Últimas Notícias
  • Nenhum artigo foi encontrado
Home > O que ver > Cádiz a 360º, destino perfeito de Primavera

O que ver

Cádiz a 360º, destino perfeito de Primavera

Cádiz a 360º, destino perfeito de Primavera
Março 04
08:18 2016
4
SHARES

Conhecida como “La Habana chica” (Pequena Havana) – pela sua semelhança com a cidade cubana – ou então por “tacita de plata” (literalmente, chavenazita de prata) – uns dizem que se deve à forma da sua baía, outros, aludem à luz que reflecte –, a capital gaditana é uma das cidades mais maravilhosas da Andaluzia. É considerada a mais antiga da Europa Ocidental e numerosos vestígios arqueológicos confirmam-no. Esta é uma das peças que compõe um puzzle rico em sabores, cores e paisagens, o de Cádiz, província Andaluza que poderemos considerar praticamente “vizinha” de Portugal e que vos sugerimos para aqui darem um salto esta primavera. E, para os que não querem gastar muito, os hotéis em Cádiz saem muito em conta!

Entre os “imprescindíveis” de esta escapadela deixamo-vos uma lista de cinco lugares – cada qual com a sua experiência associada – a incluir no roteiro e que farão com que a viagem valha a pena. Vamos lá?

Corridas de cavalos em Sanlúcar de Barrameda

Um dos primeiros lugares onde podem parar se tiverem iniciado a viagem a partir de terras lusas. Trata-se de uma celebração digna de ser conhecida: as corridas de cavalos de Sanlúcar são consideradas Festas de Interesse Turístico Internacional e têm lugar durante o verão. O cartaz para 2016 arrancará a 12 de agosto – e confirmados estão os dias 12, 13, 14, 26, 27 e 28 de Agosto. Vale realmente a pena…

carreras de caballos sanlucar barrameda

Corridas de cavalos em Sanlúcar de Barrameda. Foto: Guillén Pérez/ Flickr CreativeCommons.

Uma vez por estas bandas, o Parque Nacional de Doñana é o complemento ideal para a passagem por Sanlúcar, que se pode alcançar em linhas de barco. Trata-se de um espaço natural protegido de beleza ímpar, onde se podem observar inúmeras espécies de aves aquáticas. É considerada a maior reserva ecológica da Europa.

Parque Nacional de Doñana. Foto: Francisco Manuel Esteban/ Flickr CreativeCommons.

Parque Nacional de Doñana. Foto: Francisco Manuel Esteban/ Flickr CreativeCommons.

Feria no Puerto de Santa María

De 27 de Abril a 2 de Maio decorrem as Festas da Primavera e do Vinho Fino deste município gaditano, situado na baía de Cádiz. Esta efeméride faz deste recanto do sul o lugar mais animado do planeta. A tudo isto há que acrescentar que o evento em si pode perfeitamente servir de pretexto para visitar aquela que se conhece como a “Cidade dos Cem Palácios” pelo património residencial que se foi preservando ao longo dos anos. Ainda se conservam alguns edifícios merecedores de visita.

Feria. Foto: Sandra Vallaure/ Flickr CreativeCommons.

Feria. Foto: Sandra Vallaure/ Flickr CreativeCommons.

Cádiz

Da capital já fomos adiantando alguma coisa mas a verdade é que não faltam atractivos por aqui: desde passear ao sol pela Baía da Caleta a visitar o Castelo de Santa Catalina – local onde se celebram concertos inesquecíveis, sobretudo pelo cenário –, degustar vinhos típicos acompanhados de amêndoas salgadas, perder-se no Parque de los Genoveses ou assomar-se na “Barraca de Cádiz” para contemplar a soalheira Baía de Rota. Poderíamos continuar mas para ficarem a saber mais terão de vir até cá!

cadiz

Cádiz. Foto: Hernán Piñera/ Flickr CreativeCommons.

Vejer de la Frontera

Este programa “exige” que se afastem cerca de 8 quilómetros da costa. A presidir uma colina a 200 metros de altura, nas margens do rio Barbate, encontramos esta pequena cidade amuralhada, com castelo e igrejas imponentes. Entre ruelas estreitas e íngremes e casas caiadas de branco encontram-se dois dos restaurantes mais famosos em toda a província: El Jardin del Califa, de comida marroquina requintada, e La Castilleria, especialista em carnes e uma aposta segura para saborear pratos da cozinha mais tradicional. Se percorrerem esses oito quilómetros que a separam do Atlântico darão de caras com a célebre praia de El Palmar, com 7.5 km de areia fina e águas cristalinas.

Vejer de la Frontera

Vejer de la Frontera. Foto: M.Peinado/ Flickr CreativeCommons.

As praias de Tarifa

Se continuarem a flectir para sul alcançarão aquele que é considerado o ponto mais meridional da Península Ibérica, a ponta de Tarifa, que define a fronteira entre as águas do Mar Mediterrâneo e o Oceano Atlântico. É um dos destinos mais na moda de toda a costa andaluza, com uma atmosfera muito jovem e animada no verão. Tem praias que estão consideradas das mais bonitas da Andaluzia, como Valdevaqueros, Los Lances, as dunas de Bolonia e as falésias de Punta Camarilla e Punta Paloma. Na divisória entre Tarifa e Zahara de los Atunes, outro município gaditano, estão as praias de Atlanterra, a dos Alemanes e a do Cañuelo, uma das poucas que preserva o estatuto de selvagem em toda a região.

Tarifa

Tarifa. Foto: Francisco Manuel Esteban/ Flickr CreativeCommons.

© Artigo traduzido por Miguel Albuquerque.

Foto destacada: Mar Kiddo/ Flickr CreativeCommons.

4
SHARES

Sobre o Autor

María Sanchez

María Sanchez

Viajera, que no turista; periodista y bloguera, que no redactora. Porque no es lo mismo ser que estar, SOY comunicadora por vocación. Licenciada en Periodismo, con amplia experiencia en medios de comunicación y redes sociales, mi gran pasión es descubrir Mundo. La mejor forma de recordar un viaje, contándolo. Puedes encontrarme en la blogosfera y en las redes sociales. Bon voyage!

0 Comentários

Ainda não existem comentários!

Não existem comentários neste momento, quer adicionar um?

Escrever Comentário

Escrever Comentário

Siga-nos no

Infografias - Infografias inspiradoras by Rumbo.
Dicas para Viajantes - Viaje informado com a Rumbo.

Siga-nos no Facebook