Blog de Viagens – Rumbo.pt

UM BLOG RUMBO
Home > O que ver > O que ver em Saragoça

O que ver

O que ver em Saragoça

O que ver em Saragoça
Setembro 30
11:33 2016

Quando se pensa em Espanha, Saragoça não será uma cidade que se considere imediatamente visitar. Isso é contudo um erro, pois a capital de Aragão tem muito para oferecer. Afinal de contas, não foi por acaso que foi seleccionada como local para a Expo 2008.

O Passado

Como sucedeu com tantas outras cidades peninsulares, Saragoça era já habitada antes da chegada dos Romanos, que a desenvolveram, deixando marcas que ainda hoje são visiveis, como é o caso do anfiteatro. Foram os tempos de Caesaraugusta, que se manteve próspera enquanto o Império se desmoronava, tendo vindo a ser conquistada pelos Godos no século V.

Na fase final da ocupação islâmica, entre 1018 e 1188, Saragoça foi mesmo sede de taifa, ou seja, um dos reinos muçulmanos independentes,  que resultaram do colapso do Califato de Córdoba.

Com a Reconquista veio o reino cristão de Aragão, que sobreviveu até 1707, quando Filipe V invadiu a região num esforço bem sucedido para forçar a integração total no reino que resultaria na Espanha moderna.

saragoca-aljaferia

O Presente

Saragoça é uma cidade simpática, com um centro histórico riquíssimo, onde o visitante se sente bem a caminhar horas sem fim. As ruazinhas de calçada ladeadas por casas centenárias conferem uma atmosfera intimista à baixa de Saragoça, onde se destacam a basílica de Nuestra Señora de Pilar e a catedral de La Seo.

De resto, a própria praça de La Seu emana um ambiente extraordinário. Espaçosa e sempre cheia de gente, nem parece ter uma relação com as vielas que a rodeiam. Mas é de facto o coração do núcleo histórico da cidade e, com as suas fontes e com os edifícios opulentos que a abraçam, é uma das grandes referências de Saragoça.

Um pouco mais longe iremos encontrar o Palácio da Aljaferia, construído no século XI pelos mouros. Apesar do nome, o seu exterior parece-se mais com o de um castelo, com muralhas elevadas e numerosas ameias defensivas. Mas o seu interior é requintado, tendo-se transformado num encantador museu.

Os interessados na História do Império Romano têm quatro sítios-museu ao seu dispor, acessíveis com um só bilhete: o porto, o forum, os banhos e o teatro.

Infelizmente o investimento feito na Expo 2008 não deixou marcas tão positivas como, por exemplo, em Lisboa. Pelo contrário, fora da zona antiga da cidade existem traços de obras mal acabadas, ou não terminadas de todo, que deixaram algumas áreas de Saragoça com um aspecto de estranho desmazelo.

A zona ribeirinha proporciona um agradável passeio e oferece uma das melhores perspectivas para observar os monumentais edifícios religiosos do centro. O rio Ebro corre, célere, por  vezes  transbordando e invadindo os passeios destinados aos peões.

Belchite

belchite

Quem ficar alguns dias em Saragoça poderá desejar diversificar e afastar-se um pouco da grande cidade. Existem várias possibilidades, mas como o espaço é limitado, vamos destacar Belchite. Nesta vila deu-de uma das batalhas mais violentas da Guerra Civil Espanhola e… nunca foi reconstruida. Há uma nova Belchite, contígua às ruínas da localidade original, mas a devastação provocada pelos combates ficou imortalizada.

Hoje em dia pode-se visitar a velha Belchite, devastada. Para lá chegar há que tomar um autocarro – fica a cerca de 50 km de Saragoça – e caminhar até à entrada principal da vila em ruínas. Existem guias municipais que mostrarão ao visitante os pontos principais da povoação (teoricamente, apenas em espanhol, mas alguns acedem a comunicar em inglês) e contarão interessantes histórias sobre o passado de Belchite e sobre a batalha que teve lugar em 1937.

Conselhos Práticos

A melhor altura para visitar Saragoça será durante a Primavera ou o Outono, quando há menos turistas e o clima é ameno. O final de Junho e o mês de Julho poderão ser cruelmente quentes, e em Agosto os locais partem de férias deixando a cidade entregue aos visitantes.

Como em muitas outras cidades espanholas, a semana da Páscoa é repleta de eventos e para o viajante torna-se bastante interessante.

Chegar a Saragoça é simples. Se já está em Espanha, existem múltiplas ligações ferroviárias e rodoviárias. Não nos podemos esquecer que com cerca de 700 mil habitantes esta cidade é a quinta maior do país.

Se vem do exterior, pode encontrar com facilidades voos baratos para Saragoça, que é servida por um conveniente aeroporto internacional.

Etiquetas

Sobre o Autor

Ricardo Ribeiro

Ricardo Ribeiro

Ricardo Ribeiro: Nasceu e cresceu em Lisboa. Foi para o Algarve. Licenciou-se em História, andou dez anos com os galões dourados da Armada, até que mandou as rotinas à fava e passou a fazer websites. Agora está aqui, pronto para partilhar o que viu no Planeta. Lê, vê cinema, anda de moto 4, faz Geocaching e é Couchsurfer.

0 Comentários

Ainda não existem comentários!

Não existem comentários neste momento, quer adicionar um?

Escrever Comentário

Escrever Comentário

Siga-nos no

Infografias - Infografias inspiradoras by Rumbo.
Dicas para Viajantes - Viaje informado com a Rumbo.

Siga-nos no Facebook