Blog de Viagens – Rumbo.pt

UM BLOG RUMBO
Home > O que ver > Passear na bela Bérgamo, Itália

O que ver

Passear na bela Bérgamo, Itália

Passear na bela Bérgamo, Itália
Fevereiro 16
08:31 2016

É verdade que se diz que devemos voltar aos lugares onde já fomos felizes. Mas, quantas vezes já visitou a famosa cidade de Milão, aterrando no aeroporto de Bergamo, e nunca foi conhecer as outras cidades das redondezas e do norte de Itália?

Desta vez convidamos a esquecer a “trendy” Milão, e a apostar na descoberta da bela e histórica Bergamo – e dos seus 120 mil habitantes – que fica a cerca de 20 minutos (de carro) do aeroporto de Orio Al Serio, para onde encontrará voos baratos com a Ryanair.

conhecer bergamo, visitar bergamo, o que ver em bergamo, aeroporto orio bergamo, como chegar a bergamo, visitar italia, oq ue ver em italia, o que ver perto de milao, visitar milao, conhecer milao

Catedral de Bergamo

Bergamo é uma cidade pitoresca, muralhada, repleta de charme e com muita história para assimilar – já que começa a aparecer no mapa aquando da conquista por parte dos romanos, no século II a.C., e que a rebaptizaram como Bergomum. No início do século XV, Bergamo passou a fazer parte da República de Veneza, uma mudança que lhe trouxe bastante prosperidade, trazida pela paz no território.

Quantos dias precisa para ficar a conhecer Bergamo? Bem, isso depende de pessoa para pessoa, mas pelo menos três dias para poder passear pelas suas ruas estreitas e ficar a conhecer os seus pontos turísticos e principais monumentos. Os seus muros, com 20 metros de altura, têm mais de cinco séculos de história.

Qualquer tipo de visita a Bergamo deve passar pela Piazza Vecchia, mesmo que esteja só de passagem. É a sala de visitas da cidade e onde estão algumas das livrarias mais antigas do país. Aproveite para relaxar num dos cafés – se o tempo permitir ficar na esplanada – ou experimentar a gastronomia local num dos restaurantes.

conhecer bergamo, visitar bergamo, o que ver em bergamo, aeroporto orio bergamo, como chegar a bergamo, visitar italia, oq ue ver em italia, o que ver perto de milao, visitar milao, conhecer milao

Piazza Vecchia de Bergamo

Parta depois à descoberta da Torre cívica que foi erguida no século XII. É aqui que se tem a melhor vista panorâmica sobre Bergamo e, sorte a nossa, está aberta aos turistas. Tem 52 metros de altura, com muitas escadas – calma, pode subir de elevador! – e no topo está o sino Campanone, que noutros tempos marcava o recolher noturno da cidade. Continua a soar só para manter a tradição ancestral.

Na Piazza Duomo estão diversos monumentos que deve visitar: a belíssima Basílica de Santa Maria Maggiore (que começou a ser construída no século XII), a Capela Colleoni (onde pode ver o fresco “O Martírio de Santo Alexandre” do artista Nicola Malinconico, de 1694) e o Batistério, mesmo ao lado, do século XIV. No interior pode ver as pinturas, as esculturas e os impressionantes trabalhos em madeira, assim como baixos relevos em mármore que representam a vida de Cristo.

Mas o melhor de Bergamo é… sentar e ficar a apreciar o dia-a-dia desta cidade. O comércio tradicional com lojas pitorescas, os  restaurantes românticos e ficar a relaxar num dos seus jardins.

Città Alta e Baixa

conhecer bergamo, visitar bergamo, o que ver em bergamo, aeroporto orio bergamo, como chegar a bergamo, visitar italia, oq ue ver em italia, o que ver perto de milao, visitar milao, conhecer milao

Capela Colleoni

Se na Città Alta estão todos os achados arqueológicos da cidade, a parte mais moderna de Bergamo (apelidada de Città Bassa) tem em si uma outra energia. Além de mais contemporânea, traz mais agitação à pacatez da charmosa Bergamo. É também onde está a zona mais residencial, de trabalho e sedes de empresas.

Nesta zona vai poder visitar a Torre dei Caduti (ou seja, a Torre dos Caídos) que homenageia os cidadãos de Bergamo que morreram a combater na Primeira Guerra Mundial. A sua monumentalidade é expressa nos seus 45 metros de altura… e nos degraus que valem a pena subir, já que é aqui que vai ter uma deslumbrante vista sobre a cidade, tanto da parte moderna como da parte baixa. No interior da Torre dei Caduti pode visitar memoriais e objetos da altura da Primeira Grande Guerra.

A Accademia Carrara é um museu que reabriu há pouco tempo – após sete anos de encerramento – com um novo fôlego e um magnífico espólio que nos conta a evolução da arte italiana, ao longo dos anos e nas diferentes regiões. Tem mais de duas mil obras de artistas conhecidos mundialmente como Rafael, Bellini ou Botticelli, entre muitos outros.

conhecer bergamo, visitar bergamo, o que ver em bergamo, aeroporto orio bergamo, como chegar a bergamo, visitar italia, oq ue ver em italia, o que ver perto de milao, visitar milao, conhecer milao

Città alta de Bergamo

Nesta viagem, continuamos com as sugestões culturais e, estando em Itália, tem de experimentar uma atividade típica, como… ir à ópera. Mesmo que seja um estilo que aprecie, faço um esforço e viva uma experiência única. Ainda para mais porque o interior do Teatro Donizetti merece uma atenta visita. É um imponente edifício cuja sala ainda mais fascinante se revelou.

E mesmo que não domine o italiano, não há problema, porque há legendas em inglês e italiano. Contudo, mesmo sem perceber as falas vai ficar maravilhado com as vozes arrepiantes e personagens absorventes das apresentações neste teatro. Visite ainda o Teatro Sociale, de 1808, que ainda continua a ser uma das casas de espectáculos de Bergamo.

 

Na vizinhança

Quando estiver por Bergamo pode ainda aproveitar para visitar algumas das interessantes terras vizinhas. A poucos minutos ficam as vinhas Scanzorosciale e para quem gosta de vinhos este é um sítio especial. O passeio vale bem a pena tanto pelas paisagens verdejantes como, é claro, pelo vinho Moscato di Scanzo, um néctar tinto, que só é produzido nesta região.

Nota: marque com antecedência a sua visita às vinhas com os produtores dos vinhos.

conhecer bergamo, visitar bergamo, o que ver em bergamo, aeroporto orio bergamo, como chegar a bergamo, visitar italia, oq ue ver em italia, o que ver perto de milao, visitar milao, conhecer milao

Torre do relógio de Clusone (autor: Gino Roncaglia / Flickr Creative Commons)

Aproveite também para explorar a vila medieval de Clusone (com pouco mais de 8 mil habitantes). Os frescos estão por todo o lado, nas casas, recordando a história marcada nos edifícios. Visite a Basílica de Santa Maria Assunta onde certamente se vai perder nos infindáveis pormenores das talhas douradas, das pinturas e das esculturas, que nos contam, na primeira pessoa, inúmeras histórias religiosas. Se continuar a explorar a vizinhança de Bergamo, “perca-se” pela bonita cidade portuária de Lovere, que está rodeada pelo Lago d’Iseo e verdejantes montanhas.

conhecer bergamo, visitar bergamo, o que ver em bergamo, aeroporto orio bergamo, como chegar a bergamo, visitar italia, oq ue ver em italia, o que ver perto de milao, visitar milao, conhecer milao

Lovere (autor: Susana Fernandez / Flickr Creative Commons)

Leve calçado confortável para explorar a pé as ruas estreitas de Lovere, decoradas com edifícios históricos, cores deslumbrantes, lojas singulares e frescos… sempre os frescos, em todo o lado! Aproveite aqui para subir à Torre Socca, onde vai conseguir uma vista panorâmica do centro da pequena cidade, com 5 mil habitantes, e da sua imensa da natureza circundante. Nós aproveitamos para apanhar o ferryboat para Pisogne, para fazermos uma viagem com vista para paisagens estonteantes… é mesmo algo a não perder.

Como ir do aeroporto Orio al Serio para Bergamo, se não tiver carro? Há comboios a cada hora a sair da Estação Central de Milão para Bergamo – a viagem dura cerca de uma hora.

Boa viagem!

Etiquetas

Sobre o Autor

Susana Ribeiro

Susana Ribeiro

Jornalista, adora contar histórias e é uma apaixonada por viagens. Susana Ribeiro encontra sempre um pretexto para passear. Depois de escrever, para vários órgãos de informação, sobre turismo, gastronomia, vinhos e viagens... decidiu colocar todas as suas dicas no ViajeComigo.com. As suas sugestões são para incentivar outros a descobrirem novas paragens. Por isso, diz: "Há sempre um sítio novo para conhecer, nem que seja na sua própria cidade. Cada viagem e viajante são singulares. Conheça o mundo à sua maneira".

0 Comentários

Ainda não existem comentários!

Não existem comentários neste momento, quer adicionar um?

Escrever Comentário

Escrever Comentário

Siga-nos no

Infografias - Infografias inspiradoras by Rumbo.
Dicas para Viajantes - Viaje informado com a Rumbo.

Siga-nos no Facebook