Blog de Viagens – Rumbo.pt

UM BLOG RUMBO
Home > O que ver > San Sebastián, Capital Europeia da Cultura

O que ver

San Sebastián, Capital Europeia da Cultura

San Sebastián, Capital Europeia da Cultura
Fevereiro 12
08:31 2016
3
SHARES

2016 afigura-se como um ano perfeito para visitar uma das mais belas cidades do país vizinho, San Sebastián. Radicada no norte de Espanha, mais concretamente na província de Guipuzcoa, irá acumular nos próximos 12 meses, o título de capital provincial com a de “Capital Europeia da Cultura“. O que é que isso implica? Que durante este período, Donostia, como também é conhecida, poderá mostrar à Europa tudo o que tem para oferecer – que não é pouco – a nível cultural.

O pontapé de saída desta temporada festiva já foi dado: no passado dia 19 de Janeiro realizou-se a tradicional Tamborrada. A particularidade é que este ano ressoou com maior intensidade e com mais ganas que nunca. Rufos de tambores para dar as boas vindas a esta aclamação continental ao que se seguirão exposições, concertos, actuações, projecções, etc. Poderão consultar o programa de eventos completo neste link: Donostia / San Sebastian 2016. Capital Europeia da Cultura.

O que vos proponho é aproveitar toda esta efervescência em torno da cidade para conhecê-la, se é que ainda não tiveram a oportunidade, posto que se trata, tal como a apresentámos sem exagero nenhum, de um dos lugares mais bonitos do país vizinho. Uma das imagens mais representativas, e um dos locais incontornáveis, é a praia da Concha, banhada pelas águas do mar Cantábrico. Com uma extensão de 1.350 metros o que mais a distingue é a sua situação geográfica, protegida pelo Monte Igueldo. Uma experiência que recordo com um carinho especial da minha passagem por Donostia é percorrer o passeio marítimo até chegar aos pés dessa montanha, pelas magníficas vistas que oferece…e pela viagem que fizemos em funicular. Se é verdade que se pode subir de carro ou a pé, a ideia de ter subido a bordo deste meio de transporte não podia ter sido mais acertada, pelo pitoresco que é. Por €3,15, bilhete para adultos, €2,35 as crianças, chegamos ao topo para ficarmos completamente extasiados pela espectacular vista panorâmica da cidade. Uma vez aqui, outra opção é subir ao parque de diversões. Confesso, montei-me numa espécie de pequena montanha-russa que também nos brindou imagens estupendas do outro lado do monte.

san sebastian, capital europeia da cultural, capital europeia cultura sao sebastiao, capital europeia cultura san sebastian, conehcer san sebastian, visitar san sebastian, conhecer pais vasco, visitar pais vasco, o que fazer no pais vasco

O Palácio Miramar é outra daquelas “coisas” a serem visitadas por aqui. Chega-se até aqui a partir da praia da Concha seguindo em direcção ao Antiguo, que é como os Donostiarras chamam ao bairro histórico, e à praia de Ondarreta. Há que subir a encosta a que chamam “cuesta del culo“, paralela ao Paseo de la Concha, e que proporciona vistas igualmente espectaculares sobre a baía. Apontem também nesta lista o teatro Victoria Eugenia, um dos edifícios mais emblemáticos de Sanse: se tiverem interesse poderão assistir a algum concerto ou peça de teatro. Costuma ter em cartaz uma programação interessante, ainda para mais neste ano como Capital Europeia da Cultura.

Também com uma relação estreita com o mundo do espectáculo está outro complexo esplendoroso, o Hotel Maria Cristina, no coração da cidade e a poucos metros do mar. Desde há várias décadas que é escolhido pelas muitas estrelas da sétima arte, como a morada por excelência nos dias que por aqui passam para marcar presença no Festival de Cinema de San Sebastián.

Nesta resenha não poderia faltar a gastronomia. A cozinha basca está cotada como umas das melhores de Espanha e é cada vez mais reconhecida no resto da Europa. Espetadinhas (Pinchos) e txacolí, um vinho branco produzido no País Basco, Cantábria e Burgos são os dois cartões-de-visita da arte culinária por estas bandas. Na zona histórica, no “Viejo” (velho), como também é apelidada esta parte da cidade, há muitos bares, onde se podem degustar tapas e pratos soberbos. Altamente recomendáveis: La Cepa, La Viña, A Fuego Negro, Ganarais ou La Cuchara de San Telmo. Fiquem com estes nomes e perguntem por eles. Outra das características do povo Donostiarra é a sua amabilidade.

pinchos, capital europeia da cultural, capital europeia cultura sao sebastiao, capital europeia cultura san sebastian, conehcer san sebastian, visitar san sebastian, conhecer pais vasco, visitar pais vasco, o que fazer no pais vasco

Bom proveito!

© Artigo traduzido por Miguel Albuquerque.

Foto destacada: Gonzalo Iza/ Flickr CreativeCommons.

3
SHARES
Etiquetas

Sobre o Autor

María Sanchez

María Sanchez

Viajera, que no turista; periodista y bloguera, que no redactora. Porque no es lo mismo ser que estar, SOY comunicadora por vocación. Licenciada en Periodismo, con amplia experiencia en medios de comunicación y redes sociales, mi gran pasión es descubrir Mundo. La mejor forma de recordar un viaje, contándolo. Puedes encontrarme en la blogosfera y en las redes sociales. Bon voyage!

0 Comentários

Ainda não existem comentários!

Não existem comentários neste momento, quer adicionar um?

Escrever Comentário

Escrever Comentário

Siga-nos no

Infografias - Infografias inspiradoras by Rumbo.
Dicas para Viajantes - Viaje informado com a Rumbo.

Siga-nos no Facebook